Solução para retirada da Vesícula Biliar – Single Port

Solução para retirada da Vesícula Biliar – Single Port

Single Port
Cirurgia Laparoscópica por Único Portal para Remoção da Vesícula Biliar É uma cirurgia avançada, minimamente invasiva, na qual o cirurgião opera usando exclusivamente um único portal. A introdução de instrumentos para acessar os órgãos intra-abdominais que precisam ser operados é feita por uma única e pequena entrada no abdome.

A presença dos cálculos biliares, dentro da vesícula, pode causar dores, cólicas intensas, inflamação, e até cirurgias de urgência por infecções associadas ou pancreatite.

Tradicionalmente, desde 1989 até os tempos atuais, a retirada da vesícula por via laparoscópica é realizada com 4 orifícios no abdome . Dois de 5 mm e 2 de 10 mm.
Na Cirurgia Laparoscópica de Único Portal os instrumentos serão colocados por um orifício de 2,5 cm realizado sob a cicatriz umbilical. Este acesso umbilical único traz algumas vantagens importantes como menos desconforto pós-operatório, tempo de recuperação mais rápido e resultado cosmético melhor. A cicatriz umbilical natural esconde orifício realizado para a cirurgia.

Esta evolução ocorreu pela combinação da habilidade cirúrgica desenvolvida nas técnicas videolaparoscópicas e a alta tecnologia dos modernos instrumentos flexíveis.

Este é mais uma evolução na área das cirurgias minimamente invasivas que tem como objetivo obter mínima agressão cirúrgica, gerando conforto, excelente resultado estético e rápido retorno às atividades normais.

População alvo: pacientes com diagnóstico de cálculos (pedras) na vesícula biliar; o diagnóstico é feito por ecografia de abdome.

O paciente sente dores abdominais devido aos cálculos e procura seu médico (consultórios ou emergências) que solicita uma ecografia e o diagnóstico é feito; o médico clínico encaminha ao cirurgião.

O paciente sabe ser portador de cálculos na vesícula biliar, mas não tem sintomas importantes. Informando-se sobre a necessidade de procurar solução, ele próprio procura atendimento de um cirurgião do aparelho digestivo.

Fonte:  Dr. André Rosa e Dr. Marcus Reusch

social position

Share this post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Digite o número correto *


Desenvolvido por: Henrique Kravitz